Transtornos emocionais: pandemia nas empresas

Mediante transtornos vividos em decorrência ao Covid-19, empresários e colaboradores estão vivendo dias de incertezas. Tais conflitos geram transtornos emocionais, fazendo com que os gestores responsáveis encontrem medidas e soluções assertivas para amenizar esse problema.

Este texto é fruto da disciplina de Pós-Graduação “Produção e Inovação Científica” ministrada como último módulo para a formação dos alunos da Laboro. Nela, os alunos aprendem como aplicar conceitos e ferramentas de forma assertiva e criativa para fomentar a inovação na ciência.

Autora: Adriane Henrique (aluna do curso de Pós-Graduação em Gestão de Pessoas e Liderança)

Orientadora: Profa. Ma. Bruna Almeida

Como forma estratégica, o confinamento de doentes para enfrentamento de enfermidades infecciosas é uma prática utilizada desde a antiguidade (OLIVEIRA, 2020). Nesse período histórico não havia o conceito epidemia. Graças ao surgimento das primeiras universidades na idade média a medicina começou a se tronar verdadeiramente um campo de conhecimento, daí o conceito epidemia foi sendo delineado.

Quarentena

Na Idade Moderna surgiram as quarentenas. Tal prática era realizada mediante supervisão da polícia sanitária: um representante ficava responsável para determinado quarteirão, passando de casa em casa uma vez por dia chamando a pessoa à janela, quem não saia era considerado doente e acabava isolado (OLIVEIRA, 2020).

Histórico da pandemia

Mediante dados do Ministério da Saúde, a Pandemia no Brasil teve início no dia 26 de fevereiro de 2020, quando um homem de 61 anos de São Paulo, voltando da Itália testou positivo para COVID -19 (WIKIPÉDIA, 2020).

As estatísticas nacionais, atualizadas em 26/08/2020 às 18:33 informa que são: 3.717.156 Casos Confirmados, 117.665 Mortes e 2.908.848 Casos de pessoas que se recuperaram (WIKIPÉDIA, 2020). Tais dados revelam que a COVID-19 no Brasil até abril de 2020, matou mais do que a H1N1, dengue e sarampo em todo ano de 2019.

Com o aumento de casos, foi constatado a transmissão comunitária em todo território nacional. Como uma iniciativa de combate ao avanço da pandemia, estados e municípios decretaram lockdown como medida rígida de prevenção e proteção.

Empresas, indústrias, escolas e comércios foram impedidos de abrir suas portas, mantendo em funcionamento somente o setor considerado essencial, com quadro de funcionário reduzido, pois alguns são classificados grupo de risco. Com isso o brasileiro foi obrigado a criar a prática do isolamento social, que transtornos emocionais em muitas pessoas.

Home office

Com a pandemia muitos perderam suas vidas, empregos ou familiares. Muitas empresas como forma de combater a crise econômica, que atingiu diversos setores, mesmo com o auxílio emergencial do governo, vem mantendo seu quadro de funcionário trabalhando em home office, fazendo com que milhares de brasileiros trabalhem a partir de suas casas.

O Home Office é uma mudança de hábito que pode gerar ansiedade, depressão e muitas vezes a sobre carga de trabalho em função do on-line, proporcionando um desgaste maior. Muitos estão tendo que conciliar suas atividades de trabalho com deveres domésticos, como cuidados da casa, alimentação e filhos que também estão privados de frequentar a escola.

Trabalham em ambientes improvisados, estão em isolamento, sem a interação com as pessoas, e alguns sem interação com a própria família, carregam a incerteza sobre como controlar a doença , sua gravidade, além da imprevisibilidade acerca do tempo de duração da pandemia, como lidar com o colapso econômico o medo de ficarem doentes, perder seus empregos, amigos ou entes queridos.

É um sofrimento psicológico que reúne vários itens para abalar o bem estar e a saúde mental causando grandes transtornos e isso vem preocupando a equipe de gestão de pessoas de muitas empresas.

Transtornos emocionais

Como medida de ação ao controle desse desgaste emocional, equipes de grandes empresas, vem adotando medidas para mitigar o impacto da nova realidade imposta pela pandemia de COVID–19, uma dessas medidas é o atendimento psicológico de um profissional on-line, treinamento de líderes e gestores para saber identificar pessoas com dificuldades em lidar com esse momento de crise e perdas, seminários on-line, onde o funcionário pode acessar onde quiser ou precisar com temas de auto estima e saúde mental.

É profissional de Administração em busca de conhecimento?

Clique aqui e conheça os cursos nas áreas de Administração e Negócios.

Se torne um especialista de Excelência.

Garanta já sua vaga!

REFERÊNCIAS

OLIVEIRA, Fábio de. Como a humanidade enfrentou as epidemias ao longo da história, 04/02/2020, Disponível em: <https://www.uol.com.br/vivabem/noticias/redacao/2020/02/04/como-a-humanidade-enfrentou-as-epidemias-ao-longo-da-historia.htm>

WIKIPÉDIA. Pandemia de COVID-19 no Brasil, 27/08/2020, Disponível em: < https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Pandemia_de_COVID-19_no_Brasil>

Edital Monitoria- Estética & Cosmética

Edital Monitoria – Estética & Cosmética Faculdade Laboro informa aos interessados que se encontram abertas as inscrições para o Programa de Monitoria que tem por