Simpósio Saúde Mental e Inclusão Social

Com o objetivo de discutir com os diversos segmentos de profissionais tópicos de relevância no atual cenário da Saúde Mental, a Faculdade Laboro realiza nos dias 08 e 09 de novembro em Brasília (DF) o Simpósio Saúde Mental e Inclusão Social. Coordenado pela professora e psicóloga Maria Cristina Hoffmann, o evento tem como público-alvo profissionais e estudantes ligados à área de saúde.

Um dos temas a serem debatidos é o Plano Crack, que tem foi instituído com vistas à prevenção do uso, ao tratamento e à reinserção social de usuários e ao enfrentamento do tráfico de crack e outras drogas ilícitas.

Segundo Maria Cristina Hoffmann, o Plano Crack tem como fundamento a integração e a articulação permanente entre as políticas e ações de saúde, assistência social, segurança pública, educação, desporto, cultura, direitos humanos, juventude, entre outras, em consonância com os pressupostos, diretrizes e objetivos da Política Nacional sobre Drogas.

“As ações do Plano Integrado de Enfrentamento ao Crack e outras Drogas devem ser executadas de forma descentralizada e integrada, por meio da conjugação de esforços entre a União, os estados, o Distrito Federal e os municípios, observadas a intersetorialidade, a interdisciplinaridade, a integralidade, a participação da sociedade civil e o controle social”, explica a psicóloga.

De acordo com Maria Cristina Hoffmann muitos são os desafios da implementação do Plano Crack. “Podemos citar alguns como: a integração de ações de prevenção, tratamento e reinserção social; diagnóstico da situação sobre o consumo do crack e suas consequências; campanha permanente de mobilização, informação e orientação; e formação de recursos humanos e desenvolvimento de metodologias que respondam aos desafios que o tema apresenta”, cita a coordenadora do curso de pós-graduação em Saúde Mental e Atenção Psicossocial da Faculdade Laboro, em Brasília.

Inscrições

As inscrições custam R$ 120 para graduados, R$ 80 para estudantes (pós-graduação em outra instituição) e são gratuitas para alunos do Instituto Laboro. Conveniados possuem 25% de desconto. Vagas limitadas!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Educação Elitizada ou Direito para todos

Compreendendo que dentro da educação existe o extremismo, que perambula por muitos ambientes e de vários contextos, o que torna imensamente complicado falar de acesso