Plano de carreira: descubra o que é e qual a sua importância

plano de carreira
Negócio foto criado por creativeart – br.freepik.com

Algo muito importante para quem está começando no rumo profissional deseja seguir é ter um plano de carreira pessoal. Então, se você quer entender melhor como isso funciona e por que é tão importante ter um, continue a leitura!

Plano de carreira: o que é?

O caminho que leva ao sucesso profissional leva tempo e, sem dúvidas, exige muito esforço e dedicação. Mas, com um planejamento bem feito e estratégico, pode ser muito mais fácil atingir suas metas!

Por isso, existe uma forma de traçar um caminho pré estabelecido dentro da empresa visando um bom processo de crescimento e desenvolvimento profissional na área em que já atua, além da possibilidade de começar a atuar em outras áreas. 

Um plano profissional feito com calma é capaz de ajudar muito um funcionário com a sua organização pessoal e outras áreas que devem ser sempre analisadas muito individualmente.

Planejamento de carreira e sucesso profissional sempre andam juntos, por isso, continue lendo e entenda de uma vez por todas como ter um bom plano de carreira!

Como ter um planejamento de carreira?

A estratégia de um plano de carreira deve ser pensada em conjunto entre a empresa e o profissional, colocando as metas e objetivos lado a lado em prol de um resultado satisfatório para ambos, principalmente a longo prazo.

Um dos principais fatores a serem considerados na hora de começar a montar um plano de carreira é o salário desejado. Esse será um dos principais objetivos do funcionário, enquanto o desenvolvimento e domínio da função será um dos principais objetivos da empresa.

É importante lembrar que, em uma parceria longa, uma coisa leva à outra – um bom desempenho leva ao crescimento, que leva ao reconhecimento, e por aí vai. Por isso, é importante não focar apenas no salário, mas em todo o processo.

Vantagens de ter um plano de carreira pessoal

Em uma empresa que tem bons vínculos e intenções com seus funcionários, sua personalidade e pontos fortes sempre serão levados em consideração. Por isso, é muito interessante que o seu plano de carreira seja montado de forma bem pensada e que todos estejam de acordo.

Tendo um plano profissional bem adaptado, os resultados a longo prazo serão bons para ambas as partes e o processo de aprendizado e crescimento nas funções será bastante prazeroso e satisfatório, o que aumenta ainda mais o vínculo empresa-funcionário.

Além disso, o aprendizado também poderá ser usado em outros momentos da vida – caso acabe saindo do emprego atual, a experiência adquirida quando se segue um bom plano de carreira é suficiente para que você consiga se inserir.

Tipos de plano de carreira

Tendo em mente que todos os funcionários têm diferentes pontos fortes e todas as empresas têm diferentes objetivos para cada um deles, é evidente que os planos de carreira não serão iguais para todos. Por isso, existem diferentes tipos de plano de carreira:

  • Plano de carreira em W

Um planejamento de carreira em W oferece ao funcionário três opções de crescimento: gestão de projetos, cargos de liderança ou especialização em áreas de interesse.

Assim, é possível pensar em mais métodos de crescimento e desenvolvimento com base nos objetivos profissionais dos funcionários que desejam ocupar os cargos de gestão não muito altos na empresa. Afinal, é preciso personalidade forte para exercer bem um papel de liderança.

  • Plano de carreira em Y

O plano de carreira em Y é uma forma inteligente de oferecer a possibilidade de escolher entre dois possíveis caminhos para o crescimento de um funcionário dentro da empresa – assim, apesar de uma promoção para um cargo de liderança ser possível, o mesmo não precisa ocupar esse lugar se não quiser, podendo conseguir cargos mais altos que não envolvam administração ou gerenciamento.

  • Plano de carreira linear

Um exemplo de plano de carreira muito percebido nas carreiras militares e que envolvem outros serviços públicos é o planejamento em linha, que oferece poucas oportunidades de mudança de cargo para o funcionário.

Geralmente, há um regime rígido de hierarquia dentro da empresa ou órgão público, assim, o crescimento profissional do funcionário se dá por tempo de trabalho e mestria em sua função.

  • Plano de carreira horizontal

Ideal em empresas que tratam todos de igual para igual, o plano de carreira horizontal não visa um crescimento profissional envolvendo trocas de cargo, mas possibilita o reconhecimento do esforço de um funcionário através de aumentos salariais, por exemplo.

  • Plano de carreira paralela

Muito comum em empresas que contratam estagiários – ou trainees -, esse tipo de planejamento se baseia em um crescimento de carreira diferente entre os funcionários que começam em uma vaga desse tipo e os que entram na empresa por outros meios.

  • Plano de carreira em rede

Como a própria nomenclatura sugere, o planejamento de carreira em rede é recheado de opções e nichos diferentes.

Nesses casos, a empresa tem muitos cargos disponíveis e o funcionário geralmente é considerado versátil o suficiente para poder escolher, entre tantas opções, a que mais se adapta aos seus planos.

Depois de entender melhor as opções de planos de carreira, e quais as suas vantagens, com qual você se identificou mais?

É sempre uma boa ideia deixar sua personalidade e suas intenções como funcionário claras desde o começo. Assim, fica mais fácil analisar os pontos mais vantajosos para você e sua equipe na hora de fazer seu planejamento profissional!

Além disso, não tenha pressa em decidir e analise todos os possíveis cargos antes de tomar sua decisão final!