Esclarecimento sobre o desconto de 10% nos cursos da Laboro

A Faculdade Laboro, por meio do seu jurídico, esclarece a suspensão do desconto de 10% que foi concedido até dezembro de 2020.
Antes de falar sobre o desconto é importante destacar que o mesmo não se confunde com aquele previsto nas diversas leis estaduais de combate à COVID-19. Aquele desconto legal, previsto nos decretos enquanto durar a pandemia são atendidos para todos os alunos, onde os mesmos já possuem descontos inclusive superiores de acordo com o convênio ou bolsa recebida na matrícula.
Logo, o desconto de 10% concedido pela Faculdade Laboro em abril de 2020, foi uma medida extraordinária adotada pela instituição de forma a apoiar seus alunos no combate aos efeitos da pandemia e também, permitir que a maior continuasse seu sonho da formação superior, mesmo durante um período de grande dificuldade.
O desconto de 10%, inicialmente previsto para as mensalidades de março a maio de 2020, foi sendo renovado mensalmente, de acordo com a capacidade e disponibilidade da Faculdade Laboro. Lembrando também que esse desconto não se confunde com qualquer compensação pela suspensão das aulas presenciais, inclusive sendo mantido com o retorno das aulas em agosto de 2020.
Porém, com a chegada de 2021, não foi mais possível para a Faculdade Laboro manter a concessão dos descontos de 10% nas mensalidades, sendo o mesmo substituído por outras facilidades, como a repactuação das parcelas, isenção de multas e taxas em casos de atraso e outras medidas possíveis.
Destacamos que nosso setor Financeiro está sempre a disposição para esclarecimento de dúvidas e aguardando nossos alunos para, dentro das possibilidades, atender e ajudar com condições especiais para que seja possível continuar a formação de cada um de vocês.
Se mesmo assim restar alguma dúvida, sugestão ou reclamação, entre em contato com nosso setor jurídico através do e-mail direito@laboro.edu.br ou telefone para que possamos lhe atender da melhor forma possível, mantendo nosso compromisso com a transparência, atenção e a formação de qualidade.
Por: Mário Quintas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Como se aprende a Ensinar

Como se Aprende a Ensinar?

  Para se refletir sobre “Como se aprende a ensinar” é necessário perguntar se “ensinar é o mesmo que ser professor?”. Como se sabe a