EBSERH lança edital de seleção com 6.000 vagas; salários de até R$ 10,3 mil

No Diário Oficial da União (DOU) a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) publicou edital de abertura de processo seletivo super simplificado, realizado em caráter emergencial para cadastro reserva de até 6.000 profissionais, de níveis superior e técnico, para atuarem temporariamente no enfrentamento à Covid-19. O Instituto AOCP é a banca organizadora.

Foram autorizadas aproximadamente 900 vagas para médicos (nas especialidades de medicina de emergência, anestesiologia, clínica médica e medicina intensiva), 1.400 mil enfermeiros (incluindo as especialidades de terapia intensiva e de urgência e emergência), 3.000 técnicos em enfermagem, 500 fisioterapeutas e 100 vagas para engenheiros (clínico e mecânico) e arquitetos, necessários para promover as mudanças estruturais exigidas para a acomodação de pacientes infectados pelo Covid-19.

Os salários variam de R$ 3.255,32 a R$ 10.350,45, para jornadas que vão de 24 a 40 horas de trabalho semanal. São, ao todo, 37 hospitais universitários com vagas em aberto.

De acordo com a EBSERH, o processo seletivo tem como objetivo suprir a Rede Ebserh com profissionais que atuarão na linha de frente do combate ao coronavírus e para reposição de trabalhadores que, por ventura, venham a se ausentar, por conta da doença.

Essa seleção é de caráter urgente e temporária, apenas enquanto durar o estado de calamidade decretado pelo Governo, não impactando os concursos públicos em andamento, que continuam seguindo seus trâmites normais.

Segundo o diretor de Gestão de Pessoas da estatal, Rodrigo Barbosa, “a possibilidade de antecipar os concursos em andamento foi amplamente estudada, mas trâmites e prazos legais precisam ser cumpridos, o que impossibilitou a antecipação de etapas. Ainda que o processo esteja sendo movido pela urgência, temos tido a necessária preocupação com a transparência, de modo que a empresa tenha à sua disposição os profissionais necessários para o enfrentamento dessa grave crise”.

Etapas de seleção

A seleção será realizada por meio de análise curricular, avaliação de títulos e experiência profissional. As inscrições já estão abertas e serão bem rápidas, apenas até 6 de abril (próxima segunda-feira), pelo site. A inscrição é gratuita.

O Processo Seletivo Emergencial garante a reserva de vagas para pessoas com deficiência, em atendimento ao art. 37, VIII, da Constituição Federal, da Lei nº 7.853/89 e do Decreto nº 9.508/18 e a reserva de vagas para pessoas negras e pardas, conforme previsto na Lei nº 12.990/2014.

Os candidatos poderão escolher a unidade hospitalar universitária a qual desejam trabalhar. O resultado da seleção também sairá rapidamente, com divulgação prevista para 8 de abril.

De acordo com o edital de abertura, tendo  em  vista  que  a seleção tem como objetivo a  triagem  e  atendimento  direto  ou  indireto  aos  pacientes confirmados  ou  suspeitos  de Coronavírus, fica vedada a participação e contratação de candidatos pertencentes ao grupo de pessoas consideradas vulneráveis frente ao novo  Coronavirus  (COVID-19), conforme lista abaixo:

  • Não possuir idade igual ou superior a 60 anos, e nem completar 60 anos até um ano após a data de homologação do processo seletivo emergencial, Diabetes insulino-dependente;
  • Insuficiência renal crônica;
  • Doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC), enfisema pulmonar, asma moderada ou grave, tuberculose ativa ou sequela pulmonar decorrente de tuberculose;
  • Doenças cardíacas graves, insuficiência cardíaca e hipertensão arterial sistêmica severa;
  • Imunodeprimidos, salvo aqueles acometidos com doenças autoimunes sem uso de imunossupressores, conforme regulamentação a ser expedida pela SOST/SEDE;
  • Obesidade mórbida com IMC igual ou superior a 40;
  • Cirrose ou insuficiência hepática;
  • Gestantes ou lactantesde crianças até um ano de idade;
  • Responsáveis pelo cuidado ou que coabitam com uma ou mais pessoas com confirmação de diagnóstico de infecção por Coronavírus  (COVID-19).

 

Por: Redação do Jornal Imparcial

4 Comments:
abril 4, 2020

Quero fazer tudo que posso pra ajudar as pessoas que precisam neste momento de nossa sabedoria nessa pandemia que estar deixando todos nós preocupados ..Que possamos fazer fazer o possível pra salvar muitas vidas

abril 4, 2020

Quero fazer tudo que posso pra ajudar as pessoas que precisam neste momento de nossa sabedoria nessa pandemia que estar deixando todos nós preocupados ..Que possamos fazer fazer o possível pra salvar muitas vidas

abril 9, 2020

Os critérios de avaliação na homologação não condiz com a classificação pois em ampla concorrência fiquei em 1124 e pra pardos e negros em 672 e teve pessoas que passou em minha frente.

abril 9, 2020

Os critérios de avaliação na homologação não condiz com a classificação pois em ampla concorrência fiquei em 1124 e pra pardos e negros em 672 e teve pessoas que passou em minha frente.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ranking 7 melhores cursos EAD em 2021!

A educação a distância ganhou grande destaque durante a pandemia de Covid-19 no ensino escolar brasileiro, mas a modalidade já era conhecida no ensino superior,