Como começar a fazer exercício físico em casa

O mundo mudou e com isso a forma de fazer exercício físico também, assim surge uma maneira de realizar as atividades em casa utilizando o peso do corpo, porém treinar em casa exige compromisso e disciplina, este é um dos motivos que levam muitas pessoas a desistir, a falta de motivação é um dos fatores que favorecem de forma negativa para o aumento do sedentarismo.

Este texto é fruto da disciplina de Pós-Graduação “Produção e Inovação Científica” ministrada como último módulo para a formação dos alunos da Laboro. Nela, os alunos aprendem como aplicar conceitos e ferramentas de forma assertiva e criativa para fomentar a inovação na ciência.

Autor: Anderson Carvalho (aluno do curso de Biomecânica Fisiologia e Personal Trainer)

Orientadora: Profa. Ma. Bruna Almeida

O mundo em que vivemos vem sofrendo constantes mudanças e com essas mudanças o ser humano vai evoluindo e se adequando. Hoje já não temos mais que caçar a nossa própria comida, a agricultura evoluiu e os nutrientes necessários para manter o nosso corpo saudável temos acesso de forma rápida e fácil.

De contra partida outros problemas surgiram e dentre eles está a obesidade. A forma fazer exercício físico também mudou, hoje caminhamos menos e apesar disso comemos mais, pensamos menos e nos precipitamos mais, nossas reações e ações mudaram e a nossa forma de se exercitar também.

Com a evolução da tecnologia e com a ingressão mais fácil à internet e as suas conexões, temos um acesso maior a vários conteúdos, por esse motivo as plataformas da web têm auxiliado positivamente aqueles que desejam se manter em boa forma física.

Assim surge uma dúvida, é possível treinar apenas com o peso do próprio corpo? Segundo o Colégio Americano de Medicina Esportiva (ACSM) sim, é possível treinar apenas com o peso do corpo e a melhor parte, podemos realizar todos os exercícios físicos no nosso lar, são infinitas possibilidades de atividades para realizar em casa, como:

  • correr estacionado;
  • saltar corda;
  • polichinelos;
  • agachamentos;
  • dentre outros exercícios.

A sugestão para realizar esses exercícios:

Desde que o total acumulado na semana seja de 150 minutos ou mais conforme seu condicionamento permitir (ACSM). De acordo com dados do Ministério da Saúde houve um aumento de 67% do número de obesos de 2006 a 2018. E qual o motivo da obesidade e doenças ligadas ao sedentarismo só aumentem no Brasil?

Exercício físico em casa

Se podemos treinar em casa, já afirma o (ACSM) e sabendo que treinar nos traz muitos benefícios, então quais motivos nos levam a não treinar em casa? Após entrevistar 238 pessoas, podemos identificar que grande parte das pessoas entrevistadas não se exercitam por 3 motivos.

  1. Por acreditar que necessita de materiais para treinar;
  2. Dificuldades em realizar atividades Sozinho(a);
  3. Preguiça e/ou desmotivação.

Analisando o resultado da pesquisa podemos afirmar que a solução para mudar esse quadro de respostas é criar uma rotina, cultivar o hábito de se policiar para não deixar de treinar se faz necessário e obrigatório para quem deseja usufruir dos benefícios que realizar uma atividade física pode trazer para nosso corpo e mente.

A sugestão inicial é de se exercitar por pelo menos trinta minutos, três vezes por semana e assim gradativamente aumentar o tempo e dias de treino.

É profissional da Educação Física em busca de conhecimento?

Clique aqui e conheça os cursos nas áreas de Nutrição e Educação Física.

Se torne um especialista de Excelência.

Garanta já sua vaga!

REFERÊNCIAS
ARÉVALO, J. A., GARCÍA, J. A. C., MALTRÁS, Bruno.  La edición científica ante el nuevo paradigma digital. Boletín de la asociación andaluza de bibliotecarios. Año 31, número 111, Enero – Junio 2016;

OLIVEIRA NETO L, Elsangedy HM, Tavares VDO, Teixeira CVLS, Behm DG, Da Silva-Grigoletto ME. #TreineEmCasa – Treinamento físico em casa durante a pandemia do COVID-19 (SARS-COV2): abordagem fisiológica e comportamental. Rev Bras Fisiol Exerc 2020;[online].ahead print:PP.0-0;

THOMPSON, Walter R. Ph.D., FACSM pesquisa mundial sobre tendências de fitness para 2020, Health & Fitness Journal da ACSM: 11/12 2019 – Volume 23 – Edição 6 – p 10-18 doi: 10.1249 / FIT.0000000000000526;

https://www.saude.gov.br/noticias/agencia-saude/45612-brasileiros-atingem-maior-indice-de-obesidade-nos-ultimos-treze-anos (acesso em 25 de agosto de 2020);

https://caueteixeira.com/tendencias-fitness-para-2018/ (acesso em 27 de agosto de 2020).