Carta de Apresentação: aprenda a fazer a sua em 5 passos!

Não é incomum que as pessoas que concorrem a uma vaga de emprego enviem mensagens junto ao currículo, que são chamadas de cartas de apresentação

Em meio a um mercado de trabalho tão competitivo, uma carta de apresentação pode ser a diferença e incentivar que o recrutador chame você para uma entrevista presencial, o próximo passo em qualquer processo seletivo. 

As cartas de apresentação servem como um pequeno resumo profissional mais amigável do que o próprio currículo, tratando sobre sua capacidade, personalidade e motivação. Elas servem para demonstrar seu interesse em trabalhar para aquela empresa e costumam ter até 500 palavras. 

Quer aprender como fazer uma carta de apresentação e tudo sobre elas? Nós vamos te ensinar tudo o que você precisa saber a respeito desse documento diferencial! 

Carta de apresentação: qual é a importância no currículo?

Enquanto um currículo apresenta seu perfil profissional listado de forma simples e direta, uma carta de apresentação é um documento mais descontraído e pessoal, uma forma de se comunicar diretamente com o empregador antes mesmo de qualquer entrevista.

Nesse documento, você irá desenvolver sua história e explicar o motivo para ser o melhor candidato para aquela vaga. Seja falando sobre sua experiência, seus cursos ou contando onde morou, o importante é ser claro sobre como suas experiências, conhecimentos e ambições se enquadram no cargo. 

Uma única vaga aberta recebe muitos currículos, alguns muito parecidos entre si, tornando a tarefa dos recrutadores mais difícil. Por isso, eles costumam procurar pelos diferenciais que estarão citados na sua carta. 

Como fazer uma carta de apresentação 

Agora que sabe a importância desse documento, você deve querer saber como fazer sua carta de apresentação para currículo e garantir o seu diferencial na hora de concorrer por um emprego. 

Algumas pessoas enviam cartas de apresentação no corpo do e-mail com o currículo, outras enviam documentos à parte, anexados junto. Seja como for o seu envio, confira as nossas dicas para que você faça a sua própria:

  1. Introdução: cumprimente o recrutador, faça uma breve apresentação de si mesmo com informações básicas, como seu nome, e um cumprimento à vaga que encontrou.
  2. Contextualização: explique como encontrou a vaga e por que você é o candidato ideal para ocupa-la. Fale de suas experiências profissionais e pessoais que desenvolveram as características que o tornam capaz de fazer o que o cargo exige, independentemente de qual for. Lembre-se de colocar apenas suas qualidades que forem compatíveis com a vaga, para não gastar o tempo do recrutador de forma inútil! 
  3. Motivação: conte ao recrutador o motivo para que essa vaga tenha despertado seu entusiasmo, como ela o ajudaria a atingir seus objetivos profissionais, como pode ajudar a empresa a crescer, como a empresa impacta em sua vida, etc.
  4. Revisão: Faça uma revisão de gramática e ortografia antes de enviar. Qualquer erro pode fazer com que o recrutador o recuse, tal como ocorre com currículos. Evite gírias, repetições de palavras e xingamentos. Apesar de mais amigável e pessoal, essa ainda é uma conversa formal com um superior. 
  5. Assinatura: Não esqueça de encerrar sua carta com seu nome e sobrenome completos, para que o recrutador não confunda as cartas com outros candidatos.

Veja um exemplo de carta de apresentação

[Seu nome e sobrenome. Ex: Fulano de Tal]

[Vaga desejada. Ex: Assistente Administrativo]

[Telefone]

[E-mail]

[LinkedIn] 

Estimado recrutador da Empresa Fictícia,

A vaga de assistente administrativo na Empresa Fictícia despertou grande interesse em mim. Além de meu histórico profissional e nível de formação serem compatíveis com os requisitos, também sou guiado pelos mesmos valores que a empresa. 

Durante meus cinco anos de trabalho na empresa Outra Fictícia aprendi todas as funções necessárias para o cargo de assistente administrativo, como elaboração de planilhas, relatórios e atendimento ao público. 

Acredito que ser fluente em inglês e espanhol, além de ter personalidade amigável, poderá ser útil para comunicação com as filiais globais da empresa! 

Gostaria de uma oportunidade para participar de uma entrevista e mostrar como poderia usar minha experiência para ajudar a empresa.

Atenciosamente

[Seu nome e sobrenome. Ex: Fulano de Tal]

Como fazer a sua carta para primeiro emprego

Quando estamos indo atrás de entrar no mercado de trabalho tudo é uma grande novidade nos processos seletivos! Além do desafio de montar seu primeiro currículo, você ainda precisa enfrentar o nervosismo das entrevistas e o desânimo das primeiras rejeições. 

Atrair a atenção dos recrutadores para si é um desafio ainda maior nesse caso, e por isso esse documento torna-se indispensável! 

Nos casos de pessoas que estão tentando conseguir seus primeiros empregos, a tarefa torna-se ainda mais difícil, porque não há experiência prévia para citar, mas todo problema tem solução! Veja um modelo de carta de apresentação para primeiro emprego: 

[Seu nome e Sobrenome]

[Vaga Desejada]

[Número de telefone]

[E-mail]

[LinkedIn]

Aos cuidados do(a) recrutador(a) da [nome da empresa].

Fiquei muito feliz ao encontrar essa vaga de [nome da vaga] na [nome da empresa]. Busco uma primeira oportunidade profissional na área [nome da área da vaga] e acredito que posso auxiliar no crescimento da empresa, porque tenho cursos de [nomes dos cursos que já fez].

Acredito que minha [inserir suas características compatíveis com o cargo] serão úteis para a empresa, além da minha motivação para dar o meu melhor.

Gostaria de ter a oportunidade de participar de uma entrevista presencial para poder demonstrar como eu usaria minha [característica compatível com o cargo que foi citada anteriormente] para ajudar a empresa. 

Atenciosamente,

[Seu nome e sobrenome] 

Educação Elitizada ou Direito para todos

Compreendendo que dentro da educação existe o extremismo, que perambula por muitos ambientes e de vários contextos, o que torna imensamente complicado falar de acesso