Conheça a Automação de Processo (RPA): a forma de modernizar sua rotina

Automação de Processo

No mundo de hoje vivemos uma era digital, onde, podemos andar com dispositivos inteligentes que são capazes de processar várias informações importantes em milissegundos, como se fosse uma extensão de nosso corpo. A busca pelo constante aprimoramento de processos é mandatória para se evitar erros de processamento de informações, pois esse pode ser o delimitador entre a informação processada de forma correta e fidedigna aos dados apresentados e a informação mau processada, causando, tanto prejuízos enormes financeiros para uma empresa quanto a problemas maiores como, em situações específicas, perda de uma vida.

Pensando nisso e com o advento da presença da tecnologia nas organizações, cada vez mais frequentes, concluímos que algumas partes do processo precisaram ser cada vez mais automatizadas para evitar erros humanos. Essa tendência vem conseguindo vários adeptos no mundo corporativo, vem também beneficiando, em vários aspectos, o desempenho das organizações, que tem se utilizado de mais essas ferramentas para executar suas funções.

Surge, então, conceito de tecnologia da informação, para melhorar resultados na organização, com um uma proposta de se utilizar de robôs para processos repetitivos, minimizando, assim, possíveis erros humanos. O Robotic Process Automation, abreviado como RPA.

O RPA possui enorme potencial de crescimento em aplicações tecnológicas, com várias oportunidades de implementações, nas organizações. Hoje, podem ser um grande campo de estudo e implementações de soluções para processos bem delimitados e que não mudem com frequência.

Essa tecnologia, vem para possibilitar troca de informações entre sistemas, que precisem estar ligados pelo processo. A ideia básica capturar qualquer informação como se fosse um usuário comum, só que com a vantagem de não haver erros de coleta e tratamento das mesmas. E levar essa informação a outro sistema, software, e-mail, outro ERP e etc.

Há alguns anos, poucos felizardos haviam ouvido falar dessa automação robótica de processos (RPA), até 2017 poucos estavam familiarizados com essa tecnologia e seu potencial para uma empresa ou organização. Agora, a RPA é discutida amplamente em várias organizações. Temos vários casos de sucessos, como de uma grande seguradora da Europa que implementou RPA em 35 processos de Call Centers, melhorando sensitivamente a satisfação de seu cliente, fato comprovado pelos bons índices de Net Promoter Score (NPS) apresentados.

Na pesquisa “Worldwide Robotic Process Automation (RPA) Market, 2016-2021” realizada em 2017 pela empresa de análises HFS Research, mostrou que o mercado global de software e serviços de RPA vem crescendo a cada ano, devendo alcançar US$ 898 milhões em 2018, chegando a US$ 2.171 milhões em 2021. Conforme figura abaixo:

WORDWIDE ROBOTIC PROCESS AUTOMATION MARKET 2016-2021. Título. IT, New Media & Software, 2021.. Disponível em: https://www.openpr.com/news/2234252/robotic-process-automation-rpa-market-2021-2026-business . Acesso em: 23/02/2021.

O RPA, começou a conquistar os entusiastas do BDO (Business Process Outsourcing), ou seja, são empresas ou pessoas responsáveis pelo mapeamento e implementação de processos bem definidos, mais que não são funcionários da empresa ou que estão fora do processo estudado, daí o “Outsourcing”.

O Profissional de BDO viu no RPA uma forma de ter esses processos bem definidos serem automatizados por robôs sem intervenção humana. Quando se estuda o RPA, ou até mesmo quando se quer implementar o RPA precisa-se atenção a alguns requisitos, que, sem eles o projeto RPA pode ir por água abaixo.

A primeira coisa que precisamos entender é o que são os robôs do RPA, que não são físicos, como somos acostumados a ver em filmes de ficção cientificas. Aqui estamos falando softwares inteligentes que farão o trabalho repetitivo a que forem programados. Envio de e-mails com base de clientes obtidos do software da empresa, automação de cobranças, autoatendimento para clientes e muitas outras possibilidades dentro do negócio. Sendo assim, o pré-requisito primordial no processo a ser escolhido para automação é que ele precisa ser bem definido e que verdadeiramente traga um retorno financeiro para empresa ou possa agilizar outros processos. Não se pode deixar de levar em conta também a infraestrutura como base para esse processo RPA e sempre considerar os resultados obtidos pós-automatização.

Por tudo já mencionado aqui, nos leva a entender que o processo de RPA pode ser uma saída para automatizar vários processos em uma organização além de reaproveitamento de recursos humano em trabalhos mais importantes na empresa, deixando para os robôs os trabalhos mais cansativos e repetitivos, assim, teremos, também, funcionários mais motivados e com menos erros nos resultados.

Acesse nossas redes, consulte nossos cursos, se inscreva em nosso Canal do YouTube faça parte da Faculdade Laboro.

Autor:

Prof. Me. Jorge Baldez

Professor dos Cursos de Redes de Computadores e Análise e Desenvolvimento de Sistemas da Faculdade Laboro. Mestre em Engenharia da Computação, possui MBA (Master in Business Administration) em Projetos PMI. e Graduação em Sistemas de Informação. Experiência em Gestão de área de TI, atuando como Coordenador Geral em Implantação de ERP (Enterprise Resource Planning),  Analista de Sistema e Analista de Negócio. Conhecimento em ITL, PMBOOK e PMO.

Gostou do tema? Que tal estudar nessa área?
Na Faculdade Laboro temos 2 cursos que podem interessar você.
Conheça e escolha Redes de Computadores ou
Análise e Desenvolvimento de Sistemas

da Faculdade Laboro.

REFERÊNCIAS

WORDWIDE ROBOTIC PROCESS AUTOMATION MARKET 2016-2021. Título. IT, New Media & Software, 2021.. Disponível em: https://www.openpr.com/news/2234252/robotic-process-automation-rpa-market-2021-2026-business . Acesso em: 23/02/2021.

Robotic Automation Emerges as a Threat to Traditional Low-Cost Outsourcing, 2012.. Disponível em: https://web.archive.org/web/20150921062911/http://www.hfsresearch.com/Robotic-Automation-as-Threat-to-Traditional-Low-Cost-Outsourcing .  Acesso em: 23/02/2021.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *